22 de maio de 2013

Proibido Lambe-lambes nas ruas


A partir desta quarta-feira (22), os donos de casas de shows e produtores de festas têm apenas dez dias para remover todo anúncio publicitário do tipo lambe-lambe, fixado irregularmente nos muros do Recife. Caso insistam em manter os cartazes, os responsáveis serão multados pela Prefeitura do Recife, através da Secretaria de Mobilidade e Controle Urbano (Semoc), em até R$ 5.400 por cada peça fixada e poderão ter o estabelecimento interditado no dia do evento anunciado.
A decisão e o prazo, assim como a responsabilidade da retirada da poluição visual, foram acertados em reunião realizada no último dia 30, quando os envolvidos na produção dos eventos foram alertados pela Semoc da irregularidade da ação. No encontro foi dado um mês para que os produtores retirassem os cartazes. A partir do dia 1º de junho haverá plantões noturnos, com o fim de fiscalizar a existência dos cartazes nas ruas.
Ainda nesta quarta (22), a Secretaria-Executiva de Controle Urbano enviou um comunicado via e-mail para os empresários e produtores que compareceram à reunião, ratificando a decisão e lembrando a necessidade da retirada dos lambe-lambes. A Semoc já entrou em contato com a Prefeitura de Olinda para tentar inibir a divulgação de eventos daquela cidade no Recife. Segundo a secretaria os acordos de cooperação com outros municípios da Região Metropolitana continuarão sendo firmados.
Informações: Folha-Pe.